Encontro com o escritor Inácio Pignatelli

pignatelli penude

Escola Básica de Penude

pignatelli ferreirim

Centro Escolar de Lamego Sudeste (Ferreirim)


pignatelli lamego

Centro Escolar de Lamego n.º 2

Professor e escritor, Inácio Pignatelli leccionou na Cooperativa Árvore e na Universidade do Autodidacta e da Terceira Idade do Porto. Tem diversas obras publicadas no domínio da literatura infantil (Um roubo na véspera de Natal; O sobe-montanhas), da poesia (Poemas de negro e fumo e do nada intranquilo; O olhar e os sentidos: catorze poemas a Vila Nova de Cerveira), do teatro (O diabo do Belho e O hipericão), do ensaio (Os arrais: contributo para o estudo da vida aventurosa dos arrais e mestres dos barcos rabelos; Os cascateiros de Avintes, criadores de pequenos mundos; A nascente: relato de um poeta; Acerca do Febros: os rios não se medem aos palmos; O Paiva ou a Paiva como também lhe chamam). Tem colaborado também em diversos jornais e revistas, em grupos de música popular.

Centro de Documentação de Autores Portugueses
09/2009

Encontro com o escritor Fernando Marques Pereira

fernndo pereira lamego

15 de abril de 2016
10h30 - Biblioteca Pública Municipal de Lamego

Fernando Marques Pereira é natural da região de Lafões, Igarei, Queirã, Vouzela, onde nasceu a 15 de março de 1961, e reside atualmente em Viseu.

É professor do 2.º ciclo do Ensino Básico, nas disciplinas de Português e História e Geografia de Portugal. Das suas aulas procura fazer laboratórios de ensaios pedagógicos para textos, letras de canções e músicas que compõe para os seus alunos, e que depois gosta de ir acrescentando aos temas dos seus espetáculos musicais, com a banda Fernando Pereira Prof. & os Stores.

É responsável e autor de um projeto de promoção da leitura, que desenvolve junto de escolas do 1.º ciclo e bibliotecas municipais, em articulação com algumas câmaras, e que batizou com o nome de “Borrifos de Encanto e Fantasia”.

Inconformado por natureza, menino sonhador por vocação, tem 5 livros publicados: "Clube dos Poetas Recém-Nascidos" (2001), em co-autoria com os seus alunos do 6.º B da Escola Infante D. Henrique, Repeses; "Abecedário de Valores" (2003), livro didáctico para as aulas de Formação Cívica, em co-autoria com uma colega de profissão; o projeto didático-musical "Escola de Todos" (2005), composto por um livro "Da Escola de Todos à Escola Devida" e um CD "Escola de Todos", da banda Fernando Pereira & os Stores; “Angelina... Uma Luz ao Fundo do Espelho” (2011), o seu primeiro romance e o início de uma trilogia, tendo Angelina por personagem principal e como temática as suas dificuldades na escola e no mundo onde se quer inserir; e “Angelina... e os Pais Separados”, também romance e agora editado, constituindo o 2.º elemento da referida trilogia. Neste, mantendo a escola em fundo, como o próprio nome indica, as malhas da história enlaçam-se em torno da difícil conciliação entre os direitos dos pais em terminar com o casamento e o direito dos filhos a crescerem de forma segura e saudável.    

Tripartilhando a paixão de viver pela docência, música e escrita, o seu grande e permanente desafio é condensar, harmonizar e satisfazer estas 3 áreas na realização do trabalho diário.

 

Encontro com a escritora Olinda Beja

11 de abril de 2016
10h00 - Agrupamento de Escolas da Sé – Lamego
11h00 - Centro Escolar de Lamego n.º 2
14h00 - Centro Escolar de Lamego Sudeste (Ferreirim)

12 de abril de 2016
10h40 - Escola Secundária Latino Coelho
14h15 - EB 2, 3 de Lamego
16h00 - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego (confirmar)
Apresentação do livro “À sombra de Oká”
21h00 - Santa Casa da Misericórdia de Lamego

Olinda Beja, Poetisa, escritora e narradora, nasceu em Guadalupe, São Tomé e Príncipe em 1946, sendo porém de nacionalidade portuguesa e residindo em Viseu. Com apenas dois anos deixou as ilhas maravilhosas e passou a viver do outro lado do mar, em terras frias da Beira Alta, Portugal. Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas (Português/Francês) pela Universidade do Porto, Olinda Beja é docente do Ensino Secundário desde 1976. Ensina também Língua e Cultura Portuguesa na Suíça, é assessora cultural da Embaixada de São Tomé e Príncipe e dinamizadora cultural.Foi vencedora em 2013 do prémio literário Francisco José Tenreiro premio este atribuído a obra A Sombra do Oká.

page olinda
Em 2015 o livro da sua autoria “Um Grão de Café” entrou para o Plano Nacional de Leitura de Portugal
 
Obras Publicadas
  • Bô Tendê? – Poemas – 1992 – 2ª Ed. – C.M Aveiro;
  • Leve, Leve - Poemas- 1993-2ªEd. C.M.Aveiro;
  • 15 Dias de Regresso – Romance – 1994 – 3ª ed. – Pé-de-Pag.Editores;
  • No País do Tchiloli – Poemas – 1996 – C.M.Aveiro;
  • A Pedra de Villa Nova – Romance – 1999 – Palimage Editores;
  • Pingos de Chuva – Conto – 2000 – Palimage Editores;
  • Quebra-Mar – Poemas – 2001 – Palimage Editores;
  • Água Crioula – Poemas – 2002 – Pé –de-Página Editores;
  • A Ilha de Izunari – Conto – 2003 – S.T.P. – Instituto Camões;
  • Pé-dePerfume – Contos (Bolsa de Criação Liter.) – 2004 – 2ª Ed;
  • Aromas de Cajamanga – Poemas – Editora Escrituras – S.Paulo (Brasil) – 2009;
  • O Cruzeiro do Sul – Poemas – Edição bilingue: Port/esp. – EditEl Taller del Poeta (Pontevedra) – 2011.

Fonte: wikipédia

 

 cit 4

Palestra - “150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal”

palestra jose pessoa biblioteca lamego

Foto: José Pessoa durante a palestra “150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal”, com alunos do 12.º Ano do Agrupamento de Escolas da Sé. Lamego.

Portugal foi um dos primeiros países a inscrever no seu sistema legal uma lei de abolição da pena de morte para crimes civis, servindo o seu exemplo de argumento aos defensores das correntes abolicionistas de então, “como o caso de um país que, nascido e herdeiro da mesma tradição histórica e cultural de outras regiões da Europa, teve a coragem de abraçar e aplicar uma reforma de grande alcance civilizacional”.

Neste sentido, no âmbito da comemoração da Abolição da Pena de Morte em Portugal (1867-2017), efeméride importante para a nossa consciência cívica e vivência histórica enquanto cidadãos, a Biblioteca Pública Municipal de Lamego promoveu uma palestra com o professor José Pessoa intitulada “150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal”, integrada nas atividades da Semana da Leitura 2017, que decorreu no dia 27 de abril, às 10h30, na sala de leitura da Biblioteca.

Save

Save

Save

Save

Save

Contactos e Horário

Biblioteca Pública Municipal de Lamego

Rua de Almacave nº 9, 5100-108 Lamego

Horário: 09h00 - 12h30 e 14h00 - 17h30

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Telef.: 254 614 013

Newsletter